31.5.14

Reinventamos!


Este post só aparece agora, porque tem que aparecer! E como aquilo que tem que ser, tem muita força, aqui estou eu!

E aproveito já para dizer, que nao sei quando será a proxima publicaçao! Na pior das hipóteses, no dia 15 de Junho, dia de round-up!

A de hoje é especial!!! E com tanta coisa especial já passou um ano deste guest post, que eu fazia para a minha Cozinheira! E como a tenho como aquelas pessoas boas que te entram na vida, sem pedir licença, esta é a única maneira que tenho de lhe desejar um Feliz Aniversário!!

Noutro dia dei por mim a rir-me por causa dela! Sim, porque a nossa história começou com um descascador de alhos! Vejam só! Óbvio de que depois disso, as conversas foram outras! As coisas de familia, as tristezas e as alegras, enfim... Um pouco de tudo e nada de nada!

A receita é quase a mesma do ano passado! Mas agora quando olho para cerejas lembro-me de ti, que queres que te faça?! Mas apetecia-me cerejas, apetecia-me cheesecake e apetecia-me que fosse simples! Mais do que isto impossível! Quando os fiz, foi a pensar em tudo isto e olha, corro o risco de ser repetitiva, mas o que me importa é que o resultado é bom!

E usando uma música que tu me fizeste ouvir por primeira vez, há um ano atrás....

Pois se tem que ser, que seja Agora!!!


Mini Cheesecakes de Limão e Cerejas
(Receita adaptada do livro grand Livre Marabout de La Patissêrie Facile, pag.146)







Se o ano passado usei uma receita da Nigella que não necessitava forno, desta vez mudei as coisas! Fui ao meu livro maravilha (risos), o tal das 600 receitas, e abri o capítulo dos cheesecakes. O original é tão somente um cheesecake de limão com cobertura de alperce! Mas eu queria cerejas! Ora usando quase a mesma cobertura da receita da Nigella e a base de um cheesecake normalíssimo, surgiram estas miniaturas! Mas não se deixem levar pelo tamanho diminuto, por em sabor é de todo um grande prazer!


Ingredientes:

Para a base:
- 100 gramas de Spéculoos
- 25 gramas de manteiga

Para o cheesecake:
- 1 ovo
- 250 gramas de queijo creme, tipo Philadelphia
- 1 colher de chá de raspa de limão
- 55 gramas de açúcar

Para a calda de cerejas:
- 150 gramas de cerejas em calda, escorridas
- 10 colheres de sopa de calda
- 2 colheres de sopa de açúcar 
- 1 colher de sopa de kirsch (opcional)
- 1 colher de chá de farinha Maizena





Execução:

Para a calda colocamos todos os ingredientes num tacho, à excepção da farinha Maizena. Deixamos ferver durante 5 minutos a lume brando. Retiramos um pouco de calda e desfazemos a farinha Maizena. Juntamos esta mistura no tacho e mexemos bem. Deixamos ferver mexendo sempre até que engrosse. Retiramos e deixamos arrefecer completamente.


Forramos formas de muffins com forminhas de papel e reservamos.

Trituramos as bolachas e juntamos a manteiga derretida. Misturamos bem de modo a obter uma areia. Distribuimos esta mistura pelas forminhas, mais ou menos uma colher de sopa, e pressionamos ligeiramente. Colocamos no frigorifico durante 15 minutos.

Pré aquecer o forno a 150ºC.

Numa taça colocamos o queijo creme, o açucar e a raspa de limão. Batemos como a batedeira até obtermos uma mistura lisa e homogénea. Juntamos o ovo, e envolvemos bem na mistura.

Colocamos nas formas e levamos ao forno durante 20 minutos. O centro dos cheesecakes, deve estar mole.

Retiramos do forno e deixamos arrefecer. Colocamos a calda de cerejas e levamos ao frigorifico, como mínimo 2 horas antes de servir.






Ora então.... Se uma fatia de cheesecake é um pecado, assim em miniatura, ainda é mais!
O contraste do cheesecake de limão com a cereja, é simplesmente perfeito! E o toque da canela e das especiarias presentes nas Speculoos dá-lhe um toque requintado!






E fica muito mais requintado, quando tenho a ajuda da minha pequena! Porque assim que vê o cenário a compôr-se tem que dizer sempre que quer ajudar! Até se põe de pose e me diz como tenho que fazer! Eu como obediente faço tudo o que me diz! (risos)





Estas coisas nunca tinham que se desmanchar... Mas depois penso: para que as fizeste? So para a foto? (risos)
Óbvio que não, porque aqui em casa as migalhas não ficam para contar história!


Sendo este um post especial como ja referi anteriormente, dei por mim a ler o post de há um ano atrás, e até fiquei com uma lágrimazita no olho! É que no meio de tanta coisa má, estas são as coisas boas que me fazem sorrir! E se me torno repetitiva por mais um cheesecake de cereja, vou faze-lo outra vez com uma citação que adoro! 

Porque os amigos são como as estrelas, podes não vê-los mas sabes que estão sempre lá!

"As pessoas têm estrelas que não são as mesmas. Para uns, que viajam, as estrelas são guias. Para outros, elas não passam de pequenas luzes. Para outros, os sábios, são problemas. Para o meu negociante, eram ouro. Mas todas essas estrelas se calam. Tu porém, terás estrelas como ninguém... Quero dizer: quando olhares o céu de noite, (porque habitarei uma delas e estarei rindo), então será como se todas as estrelas te rissem! E tu terás estrelas que sabem sorrir! Assim, tu te sentirás contente por me teres conhecido. Tu serás sempre meu amigo (basta olhar para o céu e estarei lá). Terás vontade de rir comigo. E abrirá, às vezes, a janela à toa, por gosto... e teus amigos ficarão espantados de ouvir-te rir olhando o céu. Sim, as estrelas, elas sempre me fazem rir!" Saint Exupery - O Principezinho.

14 comentários:

  1. Que delícia, Mena! Apetece MESMO provar.

    ______________________
    Ana Teles | Telita
    blog: Telita na Cozinha


    ResponderEliminar
  2. Que coisa linda Mena!! Fiquei a salivar só de olhar, a receita parece fantástica, e adorei a apresentação nas forminhas de papel ;)
    Sorte da aniversariante :)
    Bjnho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :) Pois assim nas forminhas, é mais fácil servir e comer!
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Ainda bem que a vida coloca no teu caminho bons amigos que te ajudam a ultrapassar as negruras do destino....Os verdadeiros amigos são como arco-íris que aparecem no fim de uma tempestade...para nos lembrar que depois da tempestade á sempre um tenue raio de sol para nos fazer sorrir e dar coragem para recomeçar.....beijinhos triplicados da avó Fátima

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também nao podem ser sempre coisas más Avo Fatima!
      As coisas boas sao poucas, mas valem a pena! Como no teu caso!
      Beijinhos triplicados

      Eliminar
  4. Isso parece maravilhoso. Speculaas como a base de queijo são realmente uma excelente escolha. Eu estou Pinned este.

    ResponderEliminar
  5. que lindos!!!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Que mimosos e delicados, quase que dá pena de os comer... mas devem ser uma delícia!

    ResponderEliminar
  7. Minha querida Mena,
    Deixas-me sem palavras... Tenho o coração quente, quente e a transbordar de alegria! Já passámos por tanto à distância! Mas os quilómetros físicos nunca foram impeditivos de nada, porque foi como se estivesses sempre aqui, ao meu lado. Bendito sejas descascador de alhos! Que bom ter-te na minha vida, Mena.
    Eu também gosto muito do O Principezinho, de Antoine de Saint-Exupéry e esta é a minha passagem preferida:

    «- Que significa "cativar"?
    - É uma coisa de que toda a gente se esqueceu, disse a raposa. Significa "criar laços..."
    - Criar laços?
    - Isso mesmo, disse a raposa. Para mim, não passas, por enquanto, de um rapazinho em tudo igual a cem mil rapazinhos. E eu não preciso de ti. E tu não precisas de mim. Para ti, não passo de uma raposa igual a cem mil raposas. Mas, se me cativares, precisaremos um do outro. Serás para mim único no mundo. Serei única no mundo para ti...»

    Tu cativaste-me. E és única no mundo para mim.
    Um abraço apertado,
    Ana

    http://danossacozinha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  8. Ai Mena... só de olhar dá vontade de ir a correr fazer. Não há dúvida que as fotografias fazem maravilhas... quer na cozinha, quer também para recordar amigos e os seus rostos, muito mais jovens, mas que felizmente vão perdurando.
    Prezo os meus amigos acima de tudo... e posso dizer que ainda mantenho os da adolescência, hoje todos com filhos.
    É tão bom encontrarmo-nos nas festas de aniversário das crianças todos os anos! ADORO!
    Um cheesecake delicioso, sem dúvida e vivam os amigos :-)
    Beijinhos Mena
    Cuca

    ResponderEliminar
  9. Um verdadeiro hino à amizade este teu post minha querida mana bundette, com a citação magnífica do Principezinho, com estes cheesecake reinventados e com a amizade que te une à Cozinheira, a fórmula está e é perfeita e o resultado é, como dizes, que nem migalhas sobram!!
    Beijinhos grandes e triplicados bundettezita do meu coração,
    Lia.

    ResponderEliminar
  10. Mena, adorei os cheesecake que devem ter um sabor magnífico mas ainda gostei mais deste post em si que revela uma amizade sincera, verdadeira. Os amigos são imprescindíveis, importantíssimos para nos acompanhar na vida, quer estejam fisicamente próximo de nós, ou não. Gostei muito!
    Um beijo grande*
    Vanda

    ResponderEliminar
  11. Mena bonita!!! Me encantan los cheesecake y así , tan pequeños y con las cerezas, quedan aun más cucos
    Aquí te espero para que me mandes un tupper por favor que no aguanto más sin probarlos
    Un besazo guapa

    ResponderEliminar