quinta-feira, 31 de julho de 2014

Vamos de Picnic?


Para a 10ª Edição da BundtMania, o tema escolhido foi Savory Bundt Cakes.

Ora então o que vem a ser isto? Pois mais não é que um Bundt Salgado! Mas nestas coisas da culinária tudo é possível e é disso que temos vindo a dar conta. Desde que seja numa forma de Bundt, tudo se pode fazer.

Depois de ter visto umas quantas sugestões, tenho que admitir que o da Lia, me deixou de olhos em bico! Só de ler a bendita receita e ver as fotografias, o meu tico e o teco, começaram a matutar e enquanto não o vi na forma, não descansei.

Só mesmo um bundt, e neste caso salgado, é que me faz sair de um estado de letargia que se tem repetido muitas vezes. A preguiça é quem comanda e mesmo que às vezes traga coisas na cabeça, nem sempre as ponho em prática. O que não se verificou desta vez, porque este Bundt era mais do que obrigatório. 

A verdade é que com o prazo alargado, deixei-me quase ir até à última. Mas como costumo dizer há que dar o exemplo! E para não falhar à minha Madame Bundette, aqui estou eu, com um Bundt de Brioche com recheio de atum, pimentos e azeitonas.

O porquê deste Bundt? Porque simplesmente adoro Empanadas. E se forem de atum, é ouro sobre azul. Mas a massa da empanada não seria a mais adequada, para fazer o dito. Vai daí, usei a da Lia. 

Só depois de muitas andanças neste mundo, foi graças ao Salsa Verde, que descobri quem era o Paul Hollywood. Um dia dei por mim na internet a ver o que aparecia dele. Foi quando esta alminha, começou a fazer a distinção entre os tipos de farinha, em que o sal jamais se deve misturar com o fermento, e que há uma diferença brutal entre uma simples massa de pão e uma massa de brioche. 

A ignorância ainda não está de todo ultrapassada e a cada dia aprendo alguma coisa nova sobre este tema, mas de uma coisa vos posso assegurar, que para comprar um pacote de farinha, demoro mais do que 10 minutos!! (risos)

E por falar de farinha! Já ando há algum tempo sem conseguir encontrar farinha de pão e como tal não segui a receita à risca. Tinha um pacote de farinha de legumes verdes (ervilhas, espinafres e feijão verde) que já tinha comprado à uma eternidade e que andava perdido pelo armário. É uma farinha T55 normal, mas com o extra de ser esverdeada! Misturei-a com farinha T45, que segundo os mestres pasteleiros franceses, é a melhor para fazer tudo o que são massas de brioches e afins.

O resultado não era tão evidente, mas ainda assim, a mim deixou-me convencida!

Tragam a limonada!!!






Bundt Cake de Brioche com recheio de atum, pimentos e azeitonas
Receita adaptada do Lemon&Vainilla






Ingredientes:

Para a massa de brioche
- 250 gramas de farinha de legumes verdes (marca Francine)
- 250 gramas de farinha T45
- 3 ovos grandes
- 10 gramas de sal
- 20 gramas de açúcar
- 150 ml de leite gordo
- 25 gramas de fermento de padeiro fresco
- 150 gramas de manteiga cortada em pedaços

Para o recheio (quantidades aproximadas)
- 150 gramas de atum em conserva, escorrido (podem aumentar a quantidade)
- 1 cebola grande picada grosseiramente
- 1/4 de pimento amarelo, 1/4 de pimento vermelho cortado em pedaços pequenos
- 2 colheres de sopa de vinho branco
- 1 colher de sopa de polpa de tomate
- azeite, sal e pimenta preta, qb.
- 100 gramas de azeitonas ( verdes recheadas com pimento e pretas) cortadas em rodelas


Execução:
Colocar as farinhas numa taça, juntamente com o açúcar. Dissolver o fermento num pouco de leite morno e deixar repousar 5 minutos.

Colocar o fermento dissolvido num dos lados da bacia e no outro oposto colocar o sal. Juntar no centro os ovos e o restante leite. Bater com a batedeira, até todos os ingredientes estarem bem integrados. Juntar a manteiga aos poucos, batendo bem para que se incorpore na massa.

Transferir a massa para outra bacia untada com óleo e deixar levedar a temperatura ambiente, durante 1 hora e meia, ou até que duplique de volume.

Enquanto a massa leveda, procedemos à preparação do recheio, colocando um fio de azeite num tacho, onde se seguida adicionaremos a cebola picada. Deixamos refogar e colocamos um pouco de sal, para que desta maneira liberte toda a água que contém, a lume brando. Quando a cebola estiver suave e translucida, juntamos os pimentos cortados e deixamos refogar durante 1 a 2 minutos. Juntamos o atum devidamente escorrido e aumentamos a temperatura. Refrescamos com o vinho branco e deixamos que se evapore, juntado de seguida a polpa de tomate.

Rectificam-se temperos e deixamos refogar durante 5 minutos. Retiramos do lume e deixamos arrefecer. Depois de frio, juntamos as azeitonas cortadas em rodelas.

Depois de a massa estar levedada, retiramos o ar e colocamos sobre a bancada da cozinha, polvilhada com farinha. Esticamos até obtermos um rectangulo de 40 x 50 e com 1,5 cm de espessura. Distribuímos o recheio, que deve estar frio, por toda a superficie. Enrolamos e colocamos o rolo dentro da forma de Bundt, devidamente untada com manteiga e polvilhada com sémola de milho, ou farinha.

Deixamos repousar aproximadamente uma hora, ou até que duplique o volume.

Levamos ao forno, pré aquecido a 200 ºC, e cozemos durante 20 a 25 minutos ou até estar dourado.

Retiramos do forno e deixamos arrefecer 15 minutos. Desenformamos e servimos morno ou frio.





Muito gosto eu dos devaneios ultimamente! E foi o caso de ter usado esta farinha e ter alterado ligeiramente as quantidades. Isto porque normalmente a farinha de pão é muito mais rica em glúten, o que faz com que absorva muito mais quantidade de líquidos e de gordura. Visto que não a usei, reduzi a quantidade de manteiga, para evitar ficar com uma massa demasiado mole.


E está visto o motivo de não aparecerem por aqui mais receitas salgadas. Porque não tenho por norma apontar nada do que uso. Faço sempre a olho e depois dá nisto! 






Fazendo a olho ou não, é um simples recheio de atum. O resultado e o sabor, foi o que eu pretendia. Uma empanada de atum disfarçada! Mas que digo eu? Muito melhor que a empanada! Então a massa, é qualquer coisa de fantástica! 


Eu não sei como anda o Sol por esse lado, mas aqui pela Sibéria, não tem dado o ar da sua graça! Como tal, não me via pelas montanhas a tirar fotografias, para simular um picnic! Vai daí trouxe umas aromáticas da varanda do meu chefe! Ora, fui eu que as plantei, por isso, tenho usufruto.... Na condição de mostrar o resultado! (risos)

Alguém é servido de uma limonada??


13 comentários:

  1. Simplesmente maravilhoso, e se tem atum já sei que ficou delicioso...

    Bjssss

    ResponderExcluir
  2. Lindo!
    Eu quero duas fatias para o almoço! É melhor 3, porque parece estar mesmo delicioso ;-)!
    Beijinhos
    Marta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois foi o que eu fiz, três fatias deixaram-me satisfeita, Marta!!
      Beijinhos

      Excluir
  3. Esse bundt salgado deixou-me curiosa! Melhor que empanada? Humm, é que empanada, tortilha de chourico e salmorejo são petiscos que adoro. Deves referir-te à massa fofa misturada com o recheio.
    Tenho de experimentar.
    Aqui faz sol todos os dias intercalado com chuvas, agora é a época delas. Mas de madrugada a temperatura nao desce dos 22. E a água do mar continua morna, 25C :))
    Quando tiveres férias vem cá ter, vamos apanhar cocos ;-))
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois entao ja somos duas a gostar de tortilha e de empanada! O salmorejo, deixo para ti, que a mim nao me convence!!
      E sim, a massa fofa, é simplesmente fantastica Helena!
      Eu vou apanhar cocos contigos, desde que não seja com eles na cabeça! :P
      Beijinhos

      Excluir
  4. E já andam bundts por aí :-) O da Lia realmente de criar água na boca.
    O meu está feito, e comido. Fotografado caprichosamente e desta vez estará postado a tempo, (tonta que fui)!
    Beijinhos " mamã".
    Cuca

    ResponderExcluir
  5. Mena, que sugestão tão deliciosa para uma versão salgada! Que petisco!
    Pessoalmente adoro a combinação de atum com pimento, é quase obrigatória... Então com azeitonas!!! Excelente ;)
    Fiquei curiosa em relação a essa "farinha de legumes" pois desconhecia completamente.

    Bjinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. :) São as vantagens de morar na Sibéria, Susaninha! Encontro essas coisas diferentes!
      Então somos duas a gostar da mistura, atum e pimentos! :) E as azeitonas, dão um toque diferente!
      Beijinhos

      Excluir
  6. Um piquenique na Sibéria, porque não? Desde que seja na tua companhia!
    E adoro como saiu o teu bundt salgado, de brioche, fofo e rico, a lembrar as empanadas que adoro.
    Um beijinho.

    ResponderExcluir
  7. Nunca me lembrei de fazer um salgado. Deve estar ótimo.

    Há passatempo a decorrer no meu blog para Portugal e Espanha, é fácil participar. Convido a ver:

    http://pratocaseiro.blogspot.pt/2014/08/passatempo-receita-mais-fresca-deste.html

    ResponderExcluir
  8. Pois piqueniquemos sim e olha, fico feliz por os meus singelos blogues servirem para te ajudar a conhecer o Hollywood (que ambas amamos) e para te ajudar a descobrir os diferentes tipos de farinhas e afins, pois é para isso que tenho blogues, para aplicar os meus dotes culinários, evoluir e partilhar.
    Ficou lindo o teu bundt amiga mana Bundette e não fosse eu um adita avessa ao atum em lata e diria que era perfeito!!!
    Hã e sabes no que é que este post deu certo?? Eu na cozinha a fazer empanadas...
    Beijos querida,
    Lia.

    ResponderExcluir