sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

E então é quase Natal....

Caramba como passa rápido o tempo.... Já estamos quase no Natal.... A menos de 4 dias, com uma ameaça de fim de Mundo, e a ponto de começar mais um ano.

Depois de terem chegado os gémeos, fez no dia 10, 4 aninhos, o tempo ainda mais rápido do que quando fiz 18 anos. Talvez porque o tempo agora se aproveite de outra maneira... Entre o emprego e a azafama de casa, quase nem me dou conta.... A mim já me dava jeito que houvesse mais horas num dia, para poder estar mais tempo com os miúdos, para me dedicar mais tempo a mim, que também preciso, e mais tempo a fazer aquilo que realmente me dá prazer. 

A bem da verdade é quase impossível a última parte, e o tempo passa a voar a vê-los crescer, e do pouco que me sobra, aproveito para ir experimentando umas coisas novas e colocar para que todos possam ver!! Gostava de ter mais tempo para poder dedicar mais tempo ao blog, a experimentar coisas novas, enfim... estar um bocadinho mais relaxadinha!!


E por isso o post de hoje! A dose de triptófano necessária para suportar a crise mundial, os problemas diários, eu sei lá mais o quê.... Olhem a dose que a vocês vos parecer bem para se sentirem felizes!!

Descubri uma receita noutro dia que me chamou à atenção, e enquanto não cheguei a casa, e não a fiz, não descansei. Achei que era apropriada para esta altura do ano, se bem que, se pode fazer a qualquer altura, mas eu achei que se podia por agora!

Bundt Cake de Chocolate, é assim que se chama! Bem depois desta, vi umas quantas, e fiquei apaixonada!! Um bolinho tipicamente americano por aquilo que pude ler, e que encaixava perfeitamente na ultima aquisição que fiz para a minha cozinha! Haveria muito que dizer sobre este tipo de bolo, porque há uma série de coisas que há que ter em conta, mas um dia com mais calma, publicarei outro post, e se não, espreitem este blog espanhol, de nome Él Rincón de Bea, que é um verdadeiro espanto. 

Fica então a receita deste Bundt Cake de Chocolate e Doce de Leite.

O blog La Cocina de Tesa também me fez perder a cabeça. Foi daí que tirei a receita deste Bundt Cake, ao qual eu decidi depois adicionar o Doce de Leite.

Ingredientes:

  • 224 gr de manteiga
  • 410 gr de açucar
  • 4 ovos L (usei 5 medianos)
  • 360 gr de farinha
  • 15 gr de bicarbonato
  • 1 pisca de sal
  • 240 ml de buttermilk ( em alguns sítios pode encontrar-se já preparado, mas se assim não for possível, espreitem o Brisa Marítima que a Isabel tem tudo explicadinho)
  • 65 gr de cacau em pó
  • 160 ml de água
  • 2 c. de café de extrato de baunilha 

Preparação:

 Todos, mas mesmo todos, os ingredientes devem estar à temperatura ambiente. Especialmente no que diz respeito à manteiga e aos ovos. Se a sua temperatura for diferente, pode provocar o desastre de um Bundt Cake.

Pré-aquecer o forno a 180ºC. 
Untamos a forma com manteiga ou com óleo, de preferência ajudamo-nos para este processo de um pincel de silicona, e untamos a dita forma, de baixo para cima, como se fizessemos a indicação à massa do sentido que tem que tomar.

Batemos a manteiga com o açúcar durante 3 a 4 minutos até que se transforme numa massa ligeira e esponjosa. ( Quase dei cabo da minha batedeira, está me a pedir a reforma).

Peneiramos a farinha com o sal e o bicarbonato e reservamos. Fervemos a água e juntamos ao cacau, de modo a obter uma massa homogénea e reservamos.

Quando a manteiga e o açucar estejam no ponto, juntamos os ovos um a um, envolvendo muito bem entre cada adição. Por fim juntamos a farinha peneirada, alternando com o buttermilk, sendo que a última adição deve ser de farinha.
 Por fim juntamos o cacau com a baunilha e misturamos bem, para que não fique nenhuma parte da massa branca.

Colocamos na forma, e segundo o blog acima mencionado, deve deitar-se de um só lado da forma, e no final bater levemente com a forma, para "acamar" a massa. Este truco eu só li depois de ter feito o dito.

Levamos ao forno, com a grelha colocada a meio, e sim, tem que ser uma grelha e nao pode ser um tabuleiro, porque as formas de Bundt cake, têm um tubo maior que as normais, para permitir uma melhor passagem de ar quente, para assim favorecer o crescimento deste bolo. Está no forno aproximadamente 60 minutos, mas aos 45 minutos já podemos fazer a prova do palito, e se sai limpo está pronto. Depois de retirar do forno, deve-se esperar 10 minutos, nem mais nem menos. Esta espera é importantissima para o bolo sair da forma na perfeição.

























 
Ao fim de 10 minutos de espera, desenforma-se o Bundt Cake, e coloca-se sobre a rede para arrefecer. Depois de arrefecer transfere-se para um prato de servir. Eu coloquei uns fios de doce de leite, que andava no frigorifico a pedir clemência para ser usado. O resultado está à vista... Repetirei certamente, e mais uns quantos que já imprimi a receita, mas desta vez, com muito mais atenção aos truques. É uma mania que tenho que fazer as coisas à pressa, e depois sai quase asneira.



E como estamos em vésperas de Natal, não sei se partilharei mais alguma receita desta época ou outras, porque isto de estar longe da família, não é a mesma coisa. Mas acreditamos no Pai Natal porque os pequenos vivem essa ilusão, e enquanto essa ilusão os fizer felizes, acreditaremos com eles no Pai Natal.

A todos aqueles que já são da casa, e aqueles que acabam de chegar, desejo-vos do fundo do coração um Feliz Natal rodeados de todos aqueles a quem mais amam, rodeados de coisas boas como este Bundt Cake, que em 2013 melhor que este que está a ponto de terminar!!!
 

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Duas tentações

Aparte da amêndoa, tenho uma perdição por leite condensado, e então se for cozido, então é que não há condições.

É que adoro aquele saborzinho acaramelado que fica na boca depois de lamber uma colherzinha!!

Num dos meus passeios pelos blog's que gosto, encontrei uma receita que me chamou à atenção! Várias vezes a vi, li, e reli e ha uns dias decidi-me.

Deixo-vos com duas receitas que vieram do blog Coco e Baunilha. Se me querem ver, é lá. Fico perdida nas receitas da Patrícia. Espero que não se chateie comigo, mas quem é que a manda fazer coisas tão boas??

Ora então a primeira receita é um Cheesecake de Doce de Leite com molho de toffee e a segunda uns petits pots de chocolate e baunilha, cuja receitinha está aqui.

Começando então com o Cheesecake.

Ingredientes para a Base:
  • 250g de bolachas digestivas (usei Palets bretons)
  • 70g de manteiga derretida
Ingredientes para o Cheesecake:
  • 600g de queijo creme tipo Philadelphia (usei fromage blanc)
  • 1 lata de doce de leite (cozi uma lata)
  • 4 ovos
  • Essência de baunilha q.b.
Ingredientes para o Molho toffee:
  • 100g de açúcar mascavado claro
  • 250 ml de natas (usei de 30% m.g.)
  • 15g de manteiga
  • 1 pitada de flor de sal (usei uma areia de sal)


A receita diz que uma das regras básicas do cheesecake é prepará-lo de véspera e deixá-lo no minimo 24h no frigorífico antes de servir. Quando vi as quantidades achei que seria demasiado grande para os 3 gatos cá de casa, e resolvi fazer então metade da receita e nas de souflée pequenas que tenho. Tinha visto um post no mesmo blog com as mesmas tacinhas e por isso arrisquei. Deixo a receita como se fosse para fazer numa forma grande de aro amovível.
 
Forrar a base de uma forma com fundo amovível, com cerca de 22cm de diâmetro, com papel vegetal. Pincelar ligeiramente com óleo vegetal a lateral ou aro da forma. Pré-aquecer o forno a 160º.

Triturar as bolachas, misturar bem com a manteiga derretida até obter uma mistura areada e cobrir uniformemente o fundo da forma pressionando com a ajuda de um copo para alisar. Reservar 30 minutos no frigorífico. Entretanto, bater o queijo fresco com os ovos, um a um, misturando bem entre cada adição. juntar o doce de leite e a essência de baunilha e bater novamente até obter um creme homogéneo.
Verter o creme na forma. Colocar um recipiente com água a ferver no forno para evitar que o cheesecake fenda e levar ao forno durante 50 minutos a 180ºC. Deixar arrefecer e colocar no frigorífico durante uma noite no mínimo.

Para o molho toffee:
Ferver a nata numa panela ou no microondas.
Pôr os 100 g de açúcar num tacho, em lume brando, até que derreta completamente.
Verter a nata aos poucos, mexendo bem até que fique um creme homogéneo. Por fim juntar a manteiga e o sal e mexer bem. Deixar arrefecer.
Servir o cheesecake com o molho.

Fiz tudo direitinho, é que faço sempre, e tive mesmo o cuidado de colocar o recipiente com água no forno. Mas acabou por fendilhar. Não sei mesmo o que aconteceu. E como se não bastasse isso, a fico espalmado, mas com um sabor magnifico.


Foi uma experiência para repetir, mas tendo mais atenção ao forno e à cozedura, porque acho que desta vez me escapou alguma coisa. E este molho toffee, que recordações me traz dos caramelos Werther's... Simplesmente delicioso....

sábado, 15 de dezembro de 2012

Biscoitos de Amêndoa

Decididamente adoro bolinhos, bolachas e afins... Não me perguntem porquê, mas adoro fazê-las e os meus pequenos terríveis adoram quando a lata está cheia.

Já sei que devia postar receitas mais natalícias, mas esta estava pendente de ser publicada! Tenho uma adequada pro Natal, mas ainda não experimentei, que para não variar, também têm amêndoa.

Adoro, simplesmente, adoro este pequeno fruto seco.

Aquando de uma das minha visitas a Viseu, nas férias, numa paragem obrigatória no Continente, encontrei uns livrinhos que são uma verdadeira reliquia, outra para juntar ao das madalenas.

Pelos vistos é uma colecção feita pela editora Impala com o nome " O Melhor da Pastelaria", e aqui por casa habitam o "Sortido Rico e Pães Doces", "Bolos Secos e com Creme". Comprei toda contente porque numa vista de olhos rápida, as fotografias agradaram-me! É, tenho esse defeito, sou de comer primeiro com os olhos antes de ler os ingredientes ou a execução. E depois acontece-me o que me aconteceu quando quis fazer algumas receitas: Consultar o Vol.I. Falta-me o volume mais importante, que pelos vistos fala de técnicas e ingredientes. Já o procurei, mas não houve maneira que o encontrasse.



Aqui está a receitinha que escolhi e a foto da capa do livrinho!! Falta-me o vol.I, mas ha muita coisa que pode fazer, haja tempo e dedicação.

Ingredientes

  • 100 gr de amêndoas com pele
  • 150 gr de açucar amarelo*
  • 5 gemas
  • 300 gr de farinha
  • 5 colheres de sopa de leite
  • 1 colher de cafe de fermento
  • manteiga, farinha, açucar* e gema q.b.
*( Na receita original põe a marca de açucar Sidul e Sores, resolvi não colocar, porque aqui não se encontra, e está provado que a receita se pode fazer com outras marcas.)

Execução

Colocar as amêndoas e o açucar amarelo num liquidificador. Junte-lhe as gemas, 100gr de farinha e o leite; triture tudo muito bem. Verta numa tigela e envolva-lhe a restante farinha e o fermento, ambos previamente peneirados; amasse e deixe descansar, por 20 minutos.

Ligue o forno a 180ºC. Unte um tabuleiro com manteiga e polvilhe-o com farinha. Tenda pequenos rolinhos e molde-os em forma de "8".

Disponha-os no tabuleiro, pincele-os com gema batida e polvilhe-os com açucar. Leve-os ao forno, durante 12 minutos; retire. Com auxílio de uma espátula, descole-os do tabuleiro depois de frios. Sirva. 



Fiz tudo direitinho como mandava a receita, porque já aprendi que não posso inventar muito, que depois as coisas não saiem como têm que sair. Mas da próxima vez que voltar a repetir esta receita, não usarei o liquidificador. Picarei as amêndoas juntamente com a farinha, mas o restante já o farei dentro de uma taça, para se evitarem tanto desperdícios de massa. E que boa era sem estar cozida....

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Um aniversário com muita ternura!!

Noutro dia descobri o Blog 7 gramas de Ternura e o seu aniversário!!!! Devo dizer que adorei o blog e tentei-me a concorrer ao passatempo. As condições do passatempo estão todas explicadinhas aqui.

Uma das condiçoes era apresentar uma receita com 7 ingredientes!! Haveria muitas mais para apresentar, mas pela falta de portfolio no meu blog, esta pareceu-me a indicada!

Sim porque é das minhas preferidas, e para mim, estas bolachas têm muita ternura!!

Que vos parece??

Ora então a receitinha....

Ingredientes

  • 250 gr de farinha
  • 1 ovo
  • 100gr de açucar
  • 100 gr de amêndoa
  • 100 gr de manteiga derretida (tb nao apontei, mas eu uso assim)
  • 2 colh. de sopa de leite
  • Doce de morango qb.

Preparação

Não apontei a quanto se põe o forno, mas normalmente ponho sempre a 180ºC.
Numa tigela misturam-se todos os ingredientes até obter uma massa homogénea e com consistência para usar a maquina de fazer biscoitos. Colocar num tabuleiro devidamente untado, ou então com papel vegetal.
Levam-se ao forno durante 10/12 min. ou então até que estejam douradinhas. A meio da cozedura colocar um pouco de doce de morango, ou outro que seja do vosso agrado.

Biscoitos de Amêndoa























Bem, Maria José, espero que gostes das bolachinhas e acredita, há montes de ternura de cada vez que as faço!!
Vai uma bolachinha?

domingo, 2 de dezembro de 2012

Coração de morango

Um dia destes vou ter que esconder o livro das madalenas.
É que sempre que o abro, descubro sempre alguma que me agrada, também seria difícil não encontrar, é que tem cada uma....

Pois e como ando em pesquisa da melhor receita para levar para celebrar o 4º aniversário dos gémeos, tenho que buscar as melhores e as mais simples.

E acho que as encontrei com esta receitinha.... São simplesmente deliciosas, fantásticas mesmo.

Fica então a receita original, embora eu tenha feito alterações.

Madalenas com coração de morango

Para 28 unidades

Ingredientes

  • 175 gr de farinha
  • 1 colh de fermento em pó
  • 1 colher de preparado de "natillas" (leite creme instantaneo ou mesmo a dita farinha Custard, que por aqui não encontro).
  • 175 gr de manteiga
  • 175 gr de açucar moreno ( isto é açucar de cana, mas eu usei açucar normal)
  • 3 ovos
  • 1 colherzinha de essencia de baunilha
  • 70 gr de compota de frambuesa ( lá em casa não havia de frambuesa, por isso pus morango! Um frasco que comprei há uns tempos, para fazer umas bolachas areadas....qd tenha mais tempo!)
  • açucar em pó para polvilhar
Preparação

Pré-aquecer o forno a 190ºC.
Para uma taça peneiram-se a farinha, o fermento, o preparada de leite creme. De seguida junta-se a manteiga, a essência de baunilha e os ovos, incorporando tudo até obter uma massa homogénea. Dividir a pelas formas e colocar um pouco de doce sem fazer pressão (nesta parte fiz asneiras! Não pesei o doce e fui colocando colheres de sobremesa e fiz um cadito de pressão).
Levar ao forno durante 15 a 20 minutos até que estejam douradinhas. Retirar do forno e deixar arrefecer em cima de uma grade. Depois de frias polvilhar com açúcar em pó.


Não fiz a receita na totalidade, fiz só metade visto que era só para experimentar. Fiz ao menos 12 madalenas e quando tirei a ultima fornada, já tinha comido 2 das q estavam frias.... Um pequena maravilha.
Na última fornada coloquei em 2 das madalenas, uma colher de nutella.... Outra ideia na falta de doce!!


Acho que estas madalenas serão umas das candidatas à festa de aniversário dos gémeos. Visto que tenho mais umas quantas debaixo de olho, terei que optar pelas mais simples e pelas mais saborosas! E estas de reúnem todas as condições, sejam com Nutella ou com doce de fruta.